Tuiná, a arte de massagear

A técnica oriental traz benefícios similares aos da acupuntura, sem precisar das agulhas

Postado dia 03/02/2017 às 08:30 por Sociedade Pública

tuiná

Foto: Reprodução

Você não faz acupuntura por que tem medo de agulhas? Descubra os benefícios da massagem tuiná, técnica da Medicina Tradicional Chinesa que apresenta benefícios similares aos da acupuntura. A massagem tuiná é uma antiga arte chinesa que tem como conceitos o yin-yang, o Wu Xing (5 movimentos), o Qi (energia), o xue (sangue) os Jing Luo (canais e colaterais), e muito mais.

Nesta técnica são realizadas várias manipulações, que são habilidades específicas, com movimentos padronizados realizados com as mãos, os cotovelos e outros membros do corpo, em localizações específicas do corpo do paciente. Essas manipulações regularizam a energia e o sangue, atuando nos pontos, abrindo os canais, removendo estagnações, tonificando deficiência e dispersando excesso.

Também aliviam dor, trazendo saúde e equilíbrio entre yin e yang, adequando as interações entre os órgãos internos e dispersando calor, frio, umidade e vento.

A habilidade com dedos, mãos, cotovelos e outras partes do corpo são de extrema importância para o tratamento com tuiná. A técnica é indicada principalmente para dores cervicais, dorsais e lombares. Também é efetiva em artrite, gastrite, constipação, hipertensão, diabetes, diarreia, anemia, febre, insônia e outros.

As características marcantes desta técnica são o deslizamento em todo o corpo e os alongamentos que chegam o promover estalos, ajustando a coluna e os ossos. Após a massagem, o paciente fica com o corpo todo relaxado e a mente tranquila.

Alessandre Cozentino é psicólogo-acupunturista e terapeuta corporal da Medicina Tradicional Chinesa. Atende no CTEMS – Desenvolvimento Empresarial e Humano, localizado na Travessa Mirambava, 280, Centro, Suzano. Também realiza atendimentos domiciliares em Suzano e região.  Telefone para contato: (011) 99358-5786
#:
Compartilhar:

Leia também

Assine a nossa newsletter