Reflexão sobre a ignorância.

Tem um ditado antigo que diz assim: “quem mais sabe, mais sofre”. Será?

Postado dia 17/02/2016 às 03:32 por Wilson Neves

 

escada

Na evolução da humanidade, as verdades da vida vão se clareando conforme o ritmo em que as inteligências captam o descortinar do conhecimento. Grandes filósofos, profetas, mestres e mesmo o Divino Mestre que foi Cristo, não puderam trazer toda a luz dos seus conhecimentos porque há de ser respeitada a IGNORÂNCIA da época e o nível intelectual, em que a sociedade se apresenta.

Nas escolas de sabedoria e nas religiões verdadeiras, o aprendiz, o adepto, conhece tudo aquilo que uma ponta de véu levantado lhe permite ver sem que a luz o cegue de repente pelo alto brilho, por isso é preciso que a luz venha sombreando, até que o buscador possa acomodar sua visão em um grau que a claridade revele o momento exato no qual ele possa saber de coisas que sua elevação mental lhe permite entender a verdade.

A IGNORÂNCIA não é de toda inoportuna. Às vezes ela tem utilidade. Tem um ditado antigo que diz assim: “quem mais sabe, mais sofre”. Será?, isso se explica quando tal conhecimento está ligado às aflições, porém no patamar do equilíbrio, o saber é sempre bem visto, pois poderá despertar no homem o desejo de servir como “professor” daqueles que estão ainda no estágio de IGNORÂNCIA.

A vida plena do homem nos leva a entender que todos somos IGNORANTES nos mais diversos graus. Quando o homem evolui e procura alcançar um estágio na vida, galgando assim um cume, logo poderá observar que de cima desse cume haverá uma nova planície a percorrer, que lhe proporcionará nova jornada de conhecimentos e novos degraus a subir. A IGNORÂNCIA poderá ser reduzida, porém sempre existirá, pois ela faz parte das metas e objetivos do homem. O conhecimento total ao Grande Arquiteto do Universo pertence.

A IGNORÂNCIA é a grande alavanca que dá ao homem o estímulo para a luta do saber. Ser IGNORANTE não é pejorativo, é, antes de mais nada, um estado evolutivo.

Perto de coisas maiores, todos somos IGNORANTES. Os discípulos ignoravam a grandeza de propósito que estava guardada na mente e no peito de JESUS. Com o aprendizado, eles lutaram e cresceram, dando um passo a mais ao saber, deixando sua IGNORÂNCIA um pouco mais curta.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Wilson Neves

Sou publicitário e especialista em Marketing , proprietário da WCN agencia de propaganda, fundador e diretor da revista digital “Sociedade Pública”.

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter