A Perda Total da república democrática

Um tremor forte na estrutura moral e ética do Partido dos Trabalhadores, nas últimas 48 horas, Dilma e Lula comeram o pão que o próprio partido amassou.

Postado dia 05/03/2016 às 10:09 por Wilson ADM

Dilma

Foto: Divulgação?Internet

O Brasil sacudiu e muita gente balançou. Uma sexta feira que marcou a história do país. Para o PT foi a verdadeira Black Friday. É de se esperar que um dia a corda rompa por segurar tanto peso. Difícil de imaginar um desfecho para a história que a nação tem vivido entre tantos escândalos que violaram a moral e o bolso dos cidadãos brasileiros, e hoje, conforme disse o procurador do MPF, Carlos Fernando dos Santos Lima, o “caráter republicano” do Brasil apareceu, como há tempos não era visto.

Lula, que era tido como intocável, agora se diz vítima das intrigas da oposição, e Dilma Rousseff, está cada vez mais próxima de cair no buraco negro do Impeachment. Engraçado que quando Collor caiu, Lula exaltava a importância de haver tamanha democracia capaz de destituir do cargo um presidente eleito democraticamente, agora depois de outros carnavais, o mesmo Lula afirma que isso é um ato contra a democracia, e que ninguém possui esse direito hoje em dia, que se Dilma foi eleita democraticamente, sua retirada a força é um golpe. Antes das eleições de 2014, e durante os debates contra Aécio Neves, Dilma Rousseff disse diversas vezes que seu governo era exemplar por não ter aliviado para políticos e empresários corruptos, respeitando a autoridade da Polícia Federal para efetuar prisões e investigações sem nenhuma interferência das autoridades governamentais, e hoje, reclama da investigação feita ao seu companheiro Lula, como sendo um absurdo.

Uma mão lavando a outra e depois juntas virando a mesa para justificarem o injustificável.

E por falar em virada de mesa, Delcídio do Amaral virou com gosto. Alegando que a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula interferiram nas investigações da Lava Jato. A nomeação de Marcelo Navarro ao STJ para livrar executivos da condenação, onde entre eles estava Marcelo Odebrecht foi um exemplo citado, Delcídio também disse que Dilma sabia que a compra da refinaria de Pasadena nos EUA seria a maior furada, e mesmo assim, a atual presidente alegava que não tinha essas informações quando as notícias sobre a compra indevida explodiram na mídia.

Dilma e Lula disseram quando pressionados sobre as revelações de corrupção que não sabiam de nada.

Agora, está sujeito acontecer um movimento político estratégico que pode desencadear uma reviravolta na Presidência do Brasil, caso a oposição resolva pressionar os membros do PMDB a conspirarem contra a atual presidente, Dilma fica mais próxima do impeachment. O PT está passando por maus momentos, e a popularidade de seus líderes está em baixa, nesse caso, a saída de Dilma coloca Temer em uma posição de extremo conforto, fortalecendo  e protegendo a legenda de seu partido. Se a mesa virar de novo, Dilma pode cair da cadeira.

É complicado dizer que qualquer partido hoje está isento de culpa no cartório, o PSDB não é modelo exemplar de governo e idoneidade, tão pouco é o PMDB, mas fato é que o PT na posição que ocupou durante 12 anos exagerou na irresponsabilidade sem reconhecer erros banais ou graves, e agora é preciso prestar contas, pois o Brasil está pedindo maior clareza nos fatos, enquanto a população perde qualidade de vida, saúde, dinheiro e esperança.

Armado o circo brasileiro, a lona caiu rápido demais, demorou para retirarem tudo debaixo dos panos, mas quando conseguiram ver o céu novamente, os animais estavam correndo feito loucos. Não estou falando dos engravatados e seus advogados caríssimos, estes estão trocando de paletó, broches e bandeirolas, morrendo de medo, dispostos a venderem até a própria honra e a palavra para não irem às páginas policias. Eu estou falando dos militantes cegos pelos partidos que apoiam, ou ideologias que sustentam, seja na esquerda ou direita, pois é soco e chute pra tudo que é lado, esses manifestantes não dão folga para o próprio pensamento formar um critério justo sobre como defender seus ideais de maneira civilizada, pois o assunto em questão é política, ou deveria ser. Várias pessoas e jornalistas sendo agredidas por cidadãos fora do estado natural de consciência, agindo como verdadeiros animais, semelhantes a torcidas organizadas com a paixão ferida, dispostos a irem ao extremo em troca de defenderem ou acusarem um homem, que certo ou errado, estava somente sendo interrogado para esclarecimentos legais para a justiça. Como todo processo democrático deve ser.

Democracia é um sonho que o brasileiro ainda deve conquistar, a liberdade de expressão do país precisa ser educada, a política precisa deixar de ser polarizada e o respeito precisa ser ensinado.

Compartilhar:

Leia também

Assine a nossa newsletter