Mogi das Cruzes recebe a 10ª edição da Corrida Rústica

Esporte de aventura desenvolve a economia criativa e atrai turistas para a cidade

Postado dia 21/10/2015 às 11:59 por Renato Castrezana

ReidaMontanha_Taiacupeba2013-8

A corrida rústica, que é esporte derivado das corridas de aventura, não é mais novidade no Brasil. No início eram poucos os atletas que se dispunham a participar de uma prova como essa. Hoje, centenas de atletas competem com regularidade, participando inclusive de eventos em diferentes estados.

A expansão do desse esporte não é apenas um modismo como muitos pensam, e sim uma tendência, pois as pessoas começaram a ter maior consciência ecológica e do mesmo modo a buscar maior qualidade de vida. Dentro desse contexto, em 2012, no distrito de Sabaúna, nascia a 1ª Corrida Rústica de Mogi das Cruzes. Idealizada inicialmente para quatro etapas anuais que se alternariam entre os principais distritos de interesse turístico de Mogi das Cruzes, Sabaúna e Taiaçupeba.

Na primeira edição, apenas 400 pessoas participaram do evento. Três anos depois, a corrida que recebeu o nome “O Rei da Montanha” é um sucesso e conta com uma média de mil inscritos por etapa. Os números de sua 10ª edição mostram que 75% dos inscritos vêm de outras cidades e estados. A repercussão do evento tem sido tão positiva para o município que nesta edição contaremos com a participação de atletas vindos da Itália e do Canada.

O empreendedor mogiano Gustavo Nogueira criou o evento com o apoio da Coordenadoria de Turismo, ligada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social de Mogi das Cruzes. O objetivo de trabalhar e incentivar a economia criativa no setor de turismo é justamente para desenvolver atrativos únicos, capazes de tornar a cidade reconhecida, nacional e internacionalmente, e consequentemente, atrair visitantes tanto para os eventos, quanto para treinos ou lazer.

A cada edição, o evento cresce e ganha cada vez mais notoriedade. Em 2014, uma grande inovação agradou o mercado de corridas: a 1ª corrida rústica só para mulheres, “A Rainha da Montanha”. Em 2015, mais uma inovação, a Maratona de revezamento Mogi-Guararema, prova com 42,5 km de percurso e que pôde ser concluída por até quatro atletas em categoria quarteto, dupla ou solo.

A corrida conta com várias categorias de premiação separadas por idade e sexo, além da categoria por equipes, criada de forma estratégica para incentivar o retorno dos atletas à cidade mesmo quando não há evento. O que contribui significativamente para o desenvolvimento turístico.

O evento movimenta a cadeia produtiva do turismo local e gera oportunidade de trabalho para cerca de 90 pessoas, sendo 25 staffs da própria localidade (Sabaúna/Taiaçupeba), 35 alunos do curso de Educação Física (que recebem certificados) e o restante de profissionais diversos.

A próxima prova será neste domingo (25/10), a partir das 7h da manhã, no Distrito de Sabaúna. A largada será às 8h, na praça dos Expedicionários, em frente ao principal ponto turístico de Sabaúna, sua antiga Estação Ferroviária da Cia de Trens Central do Brasil.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Renato Castrezana

Publicitário e professor de marketing, chefe de divisão de marketing e projetos turísticos na Prefeitura de Mogi das Cruzes

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter