Les Petites Plaisirs d’Karla

Resolvi fazer uma lista - sem ordem de relevância - de QUINZE das minhas sensações prazerosamente satisfatórias:



Postado dia 05/01/2017 às 08:30 por Karla Hack

petites

Foto: Reprodução

Ontem escolhi acordar ao som de um dos meus músicos preferidos: Jamie Cullum. Ele tem este estilo modern jazz e toca absurdamente bem, sem comentar nos arranjos que dão nova roupagem aos clássicos absolutos de uma outra era. Selecionei a What a Difference a Day Made, a qual originalmente foi gravada na década de 30, simplesmente fantástica na voz do Jamie. Se não conhece a canção recomendo que ouça primeiro a versão da Dinah Washington – A MELHOR! Acho que foi o clima da música, não sei, mas levantei revigorada e mais atenta aos detalhes do correr diário. Com o virar da ampulheta, o ar de ressurgimento que há com o nascimento de um novo ano, comecei a questionar-me sobre as delícias que passam em branco por culpa desta pressa desenfreada. A vida é recheada de sensações que nem percebemos quantos pequenos prazeres, simples prazeres, são capazes de nos satisfazer e causar aquele sentimento – ainda que momentâneo – de pura felicidade.

 

Então, resolvi fazer uma lista – sem ordem de relevância – de QUINZE das minhas sensações prazerosamente satisfatórias:

 

  1. O Som da Chuva: Bastam os primeiros pingos alcançarem a superfície para aquela sensação de aconchego surgir. O barulho molhado faz-me calma e inspirada. Adoro um dia chuvoso para escrever e sonhar.
  2. Encontrar Dinheiro Inesperado: Seja dentro de um bolso escondido de um casaco, embaixo da almofada do sofá, em uma antiga carteira, no lado da televisão, ou sei lá mais aonde, quando encontro algum dinheiro – assim de surpresa – já começo a imaginar as possibilidades ou aquela compra que evitei e que agora posso fazer. Naquele instante tenho um mundo de escolhas, um certo poder.
  3. O Cruzar de Olhares Curiosos: Eu vejo ele; Ele me vê; E nos entendemos.
  4. Um Banho Quente: Relaxar cada músculo do corpo e ali saborear cada toque na água sobre minha pele, limpando o que não quero mais em mim. Alguns minutos de distanciamento com o mundo lá fora.
  5. Receber Carta: Tornou-se tão longe da realidade atual, que nas raras vezes que o correio aportou em meu lar com uma carta de verdade, escrita à mão e com o cheiro da pessoa meu coração saltou num ímpeto de emoção.
  6. Comprar a Roupa com Caimento Preciso e na Exata Cor Imaginada: Um verdadeiro achado para a autoestima!
  7. Conversar: Passar horas trocando ideias, vivências, opiniões, conhecimentos, risos, besteiras, toques, lágrimas, confissões, desabafos…. Doar-se naqueles instantes despendidos com um bom amigo. Alma em elevação.
  8. Reencontrar Alguém do Passado e Perceber que sou Lembrada com Carinho: Marcar a vida de uma pessoa, sem nem mesmo ter ciência disto, sempre me causa uma certeza de estar no caminho certo, ainda que não saiba inteiramente qual o meu destino é.
  9. Tocar a Música que tanto Adoro e há Muito não Ouço: Só me resta dançar e cantar mais alto do que o permitido.
  10. O Primeiro Gole Após Muita Sede: Saciedade pura e simples.
  11. Perceber que Tenho Mais Tempo para Continuar Dormindo.
  12. Concluir Algo: Nada satisfaz mais do que a sensação de conclusão, de ter completado e conseguido. A sensação de dever cumprido, por mais brega que soe, liberta para um novo começo.
  13. Lençóis Limpos: Com cheiro e toque assepsia.
  14. Elogio Inesperado: Sentir que sou valorizada, até nos rebites de meu ser e onde não captei esta possível qualidade.
  15. Gargalhar de Verdade: Encher-me de alegria.

 

Meus pequenos prazeres corriqueiros são estes; triviais, eu sei. Nem por isto menos agradáveis.
E aí, quais são os seus?

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Karla Hack

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter