Ilha Marabá manterá conceito de uso

Ao descartar local como nova sede da Polícia Ambiental, Juliano Abe, prefeito em exercício de Mogi, diz que núcleo preservará condição de polo de educação ambiental.

Postado dia 22/08/2017 às 08:00 por Juliano Abe

Foto: Divulgação

O prefeito em exercício de Mogi das Cruzes, Juliano Abe (PSD), afirmou que a Prefeitura nunca teve intenção de instalar na Ilha Marabá a nova sede da Polícia Ambiental. “É um patrimônio ambiental de fundamental importância para nossa Cidade e será preservada, com todo apreço, para as ações de educação ambiental que inspiraram sua criação em 2004, na gestão do meu pai (Junji Abe, que foi prefeito de 2001 a 2008 e é deputado federal suplente pelo PSD-SP)”, garantiu.

A manifestação foi feita em reunião no gabinete com o ambientalista e líder comunitário José Arraes, que esteve acompanhado pelo secretário da Rede Nossa Mogi, Jair Pedrosa, e pelo ex-prefeito Junji Abe. O grupo procurou Juliano porque estava preocupado com o risco de descaracterização do núcleo ambiental.

Segundo Juliano, existe o plano de que o terreno onde hoje funciona o Centro Esportivo e Recreativo do Socorro abrigue as futuras instalações do Sesc e, com isso, seja necessário encontrar locais para entidades que lá estão instaladas, como a Polícia Ambiental. “Mas, a definição do futuro endereço ainda não aconteceu”.

A área do Parque Leon Feffer, exemplificou o prefeito em exercício, pode ser um local capaz de abrigar a sede da corporação. Contudo, acrescentou que a definição depende de diálogo e de uma análise da própria Polícia Ambiental. “Existem requisitos militares e estruturais que precisam ser respeitados e isso passa pela própria corporação, que deve ser ouvida”, comentou no encontro, realizado na terça-feira (15/08/17) .

O ex-prefeito Junji Abe salientou que a defesa do meio ambiente é um tema que vem ganhando força nos últimos anos e lembrou que Mogi das Cruzes possui uma série de equipamentos públicos instalados com este objetivo – a Ilha Marabá é um deles. “Contamos com a Escola Ambiental, parques municipais como o próprio Leon Feffer e o Centenário, além de estarmos evoluindo de forma contínua em aspectos como a coleta e tratamento de esgoto”, disse.

A Ilha

Única ilha existente no Rio Tietê, na zona Leste da Capital, a Ilha Marabá, localizada no Bairro do Mogilar, é uma espécie de santuário ecológico no coração da Cidade. Tem 13.410 m² de extensão, o equivalente a pouco mais que um campo de futebol. Criada por Junji Abe como Núcleo de Educação Ambiental, dispõe de passarela suspensa para observação da biodiversidade, além de auditório com capacidade para 20 pessoas, laboratório para aulas práticas, orquidário, minhocário, horta e quiosque para atividades externas.

O Núcleo abriga palestras, debates, eventos de capacitação ambiental, oficinas de reciclagem e passeios monitorados. O objetivo é promover a conscientização sobre a importância da preservação ambiental.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Juliano Abe

Juliano Abe, vice-prefeito de Mogi das Cruzes, é advogado pós-graduado em Direito Ambiental pela USP e consultor em meio ambiente

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter