Depilação: técnicas, indicações e riscos

Diversas técnicas chegam a diferentes resultados. Conheça os mitos e as verdades sobre esse tipo de tratamento estético

Postado dia 05/09/2016 às 08:00 por Nubia Maia

depilação

Foto: Reprodução/Internet

A depilação é uma das técnicas mais procuradas em clinicas de estética e salão de beleza. Inicialmente a procura era por depilação com ceras frias, mornas ou quentes. Atualmente existem diversos métodos de depilação – ou melhor, epilação, o termo correto para as técnicas de retirar o pelo pela raiz.

Conheça as diferentes técnicas, seus benefícios e riscos.

TÉCNICAS

DEPILAÇÃO THREADING, OU “EGÍPCIA

Trata-se de uma técnica centenária, oriunda do Médio Oriente e do sul asiático. Praticada nos países árabes e em locais como Índia, Vietnã e China. Muito utilizada no Brasil.

depilacao1

Vantagem da técnica:

  • Remove o pelo pela raiz;
  • Não provoca reações alérgicas;
  • O fio é descartável;
  • É uma técnica rápida e de baixo custo;
  • Oferece higiene e cuidado;
  • Não altera a cor da pele;
  • Indicada para peles sensíveis.

Desvantagem da técnica:

 

  • A profissional não consegue realizar a depilação em si mesmo;
  • Não é indicada para grandes áreas.

 

DEPILAÇÃO COM ROLL-ON

É muito utilizada em áreas grandes, como pernas, braços, peito, costas. É colocado um refil de cera dentro do aparelho. Quando esta cera é aquecida, passa-se o Roll-On na região e retira-se com papel para depilação ou TNT. Eu, particularmente, prefiro o TNT.

depilacao2

Vantagens da técnica:

  • A cera aquece rápido;
  • Pode ser aquecida em um micro-ondas;
  • O Roll-On é de uso único;
  • Papel é descartável;
  • A depilação é rápida;
  • O custo não é muito alto.

Desvantagem da Técnica:

  • É um processo um pouco dolorido;
  • Faz um pouquinho de sujeira;
  • Precisa de removedor para retirar os resíduos que sobram da cera na pele.

OBS.: O Roll-On não é indicado em áreas como virilha, axila, buço e rosto.

 

CERA QUENTE

A cera quente é muito utilizada devido à sua praticidade. Indicada para qualquer área do corpo, desde que o cliente não tenha nenhuma alergia ao produto. O fato de a cera ser mais quente promove um dilatamento dos poros, facilitando a remoção do pelo.

depilacao3

Vantagens da técnica:

  • Um pouco menos dolorida;
  • Cera descartável;
  • Fácil remoção;
  • Não escurece a pele;
  • Aplicação em qualquer área.

 

Desvantagens da técnica:

  • Custo mais auto;
  • Risco de queimadura.

 

DEPILAÇÃO COM LUZ PULSADA (FOTODEPILAÇÃO)  OU LASER

Aqueles que não gostam de sofrer com a depilação com gilete podem ver no laser ou na luz pulsada uma oportunidade de acabar com os pelos e o sofrimento. No entanto, a pele mais sensível nem sempre reage bem ao laser, criando casquinho ou ficando muito irritada – isso para não falar da dor da aplicação. Uma alternativa é a luz pulsada: com esse procedimento é possível variar a intensidade e o espectro da luz, tornando o procedimento menos doloroso. Diferença entre os dois métodos.

depilacao4

          LASER                                 LUZ PULSADA/FOTODEPILAÇÃO

 

Fotodepilação:

  • Menos intensidade, menos agressivo;
  • Pode ser usada em qualquer fototipo;
  • Praticamente indolor;
  • Preço acessível;
  • Atua também no rejuvenescimento e clareamento da pele;
  • Esteticista pode aplicar.

Desvantagens:

  • São necessárias mais sessões comparadas ao laser;
  • É preciso raspar o pelo com gilete antes da sessão;
  • Resultado mais demorado.

Laser:

  • Processo mais rápido;
  • Eliminação dos pelos por um longo período de tempo.

Desvantagens:

  • Preço mais alto;
  • Pode manchar se aplicado na intensidade errada;
  • É dolorido.

 

DICAS:

  • Tenha certeza de que a cera utilizada está sendo descartada. Reaproveitar ceras pode causar diversas doenças contagiosas, como micose, hepatite e HPV (HPV é um vírus que atinge a pele e as mucosas, podendo causar verrugas ou lesões percursoras de câncer, como o câncer de colo de útero, garganta ou ânus).

Como evitar as doenças?

  • Procure um profissional de sua confiança;
  • Verificar se a higiene do local é adequada;
  • O lenço de papel da maca deve ser descartado a cada uso;
  • O profissional deve usar luvas descartáveis;
  • A cera utilizada deve ser desprezada no lixo;
  • Utilize espátula descartável;
  • A pinça deve ser descartável.

 

Algumas perguntas que me escuto bastante em meus atendimentos:

  1. Depilação encrava pelos?

Verdade. A remoção de pelo é um processo traumático. Durante a fase de crescimento, após a depilação, alguns pelos podem não conseguir se exteriorizar e gerar inflamação no local – é o famoso “pelo encravado”. Porém, isso pode ocorrer também em depilação com a gilete.

  1. A depilação com cera quente pode manchar a pele?

Verdade. Em casos em que se exponha ao sol logo após a depilação sem o uso de protetor solar e se a cera for aplicada em cima de uma lesão.

  1. Lâmina engrossa o pelo?

Mito. O que engrossa pelo é fator hormonal. O fato de o pelo não ter sido removido pela raiz não permite que nasça um pelo novo. Sendo assim, a haste do pelo, que é a parte mais fina, foi cortada e o pelo cresce sem ela, o que dá um aspecto mais grosso.

  1. Depilação com cera quente causa flacidez?

Mito. A flacidez é causada pelo enfraquecimento das fibras de colágeno e elastina, que não são atingidas durante o processo de depilação.

  1. É preciso esfoliar a área antes de depilar?

Verdade. A esfoliação remove as células mortas e afina a pele, liberando alguns pelos com dificuldade de sair.

  1. Dói mais depilar-se em período pré-menstrual e durante a menstruação?

Verdade. Nestes períodos a mulher fica mais sensível.

 

Espero que tenham gostado.

Núbia Maia

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Nubia Maia

Aos 37 anos decidi fazer minha primeira graduação (Estética), e não quero parar mais! Pós-graduada em Docência do Ensino Superior

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter