Crédito consciente

O crédito consciente é definido pela tomada de recursos financeiros com planejamento e controles, sendo necessariamente aplicado na finalidade para o qual foi obtido

Postado dia 23/05/2016 às 08:30 por Leonardo Suyama

credito

Foto: Reprodução/Internet

As diversas modalidades de crédito permitem às empresas utilizá-los para ampliação buscando investimentos para a estrutura física, aquisição de máquinas e equipamentos, aumentando a competitividade e para o financiamento da sua operação atendendo a necessidade de capital de giro.

Sem o planejamento e os controles financeiros adequados, a tomada de crédito pode comprometer a sobrevivência da empresa. O empresário deve ter nos seus controles, o fluxo de caixa da operação e o demonstrativo de resultados, possibilitando tomar decisões assertivas no aspecto financeiro do negócio. Com estes controles, os dirigentes da empresa saberão quais as reais necessidades de crédito e onde devem ser aplicados, garantindo um crescimento sustentado.

Alguns créditos que são mais acessíveis e mais fáceis de se obter podem conter uma taxa de juros mais altas gerando um impacto direto nos resultados da empresa. Verifique com detalhes quais os tipos de crédito disponíveis no mercado, levando em consideração a taxa de juros, impostos, prazo de amortização e prazo de carência. Além disso, faça a análise das propriedades e características da linha de crédito e verifique se é compatível com a necessidade da empresa.

É um risco muito grande a empresa obter crédito sem controles financeiros. É fundamental que o empresário apure custos, despesas fixas e variáveis, margem de contribuição, controle o fluxo financeiro da empresa e analise os resultados operacionais.

Alguns créditos são caracterizados como investimentos, uma vez que são utilizados para alavancar o negócio. Máquinas e equipamentos são excelentes exemplos de investimentos. As linhas de crédito que são utilizadas para capital de giro são empréstimos que a empresa necessita para financiar a sua operação. Utilize o crédito consciente para aumentar a competitividade da empresa e fazê-la crescer.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Leonardo Suyama

Desde 2003 como Consultor de Finanças no SEBRAE/SP atua no atendimento das consultorias

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter