Como a positividade ajuda sua saúde

Ser otimista não é só uma questão de perspectiva, mas também pode ajudar a manter a boa saúde e combater doenças. Quer saber como?

Postado dia 04/01/2017 às 08:30 por Ariovaldo Ribeiro

´positividade

Foto: Reprodução

 

 

Pesquisadores descobriram que pessoas otimistas conseguem se recuperar melhor de procedimentos médicos, como cirurgias cardíacas, têm um sistema imunológico mais eficaz e até vivem mais. O estudo foi publicado no Journal of Behavioral Medicine (Revista de Medicina Comportamental).

A ciência já provou em centenas de estudos como os pensamentos e sentimentos negativos, como ansiedade, estresse e depressão, influenciam na saúde e na recuperação do corpo. O que estão comprovando agora, entretanto, é que o contrário também é válido: o pensamento positivo, otimismo e felicidade ajudam na qualidade de vida e na saúde.

A explicação é biológica e também psicológica. As somatizações, por exemplo, são manifestações físicas que têm origem psicológica e emocional. Como quando há febre, dor de barriga e náuseas por excesso de ansiedade, por exemplo. O otimismo e positividade também são uma questão biológica: os hormônios como endorfina e serotonina, ligados aos sentimentos de alegria, felicidade e prazer também ajudam nesse panorama de reforço da saúde.

Basta analisar o lado oposto para entender a relação: pessoas estressadas e muito ansiosas são mais propensas a ter problemas cardíacos, diabetes e distúrbios mentais. E o otimismo ajuda a combater o estresse e a ansiedade. Além disso, também pode diminuir as inflamações geradas por estresse e abrandar os hormônios da negatividade, como é o caso do cortisol.

 

Pessimismo e otimismo não são inatos

Algumas pessoas justificam que o pessimismo “sempre foi” uma característica da sua personalidade. Contudo, a ciência já provou que isso não é uma “habilidade” inata, mas sim uma condição adquirida.

Da mesma forma que assumimos o pessimismo, podemos assumir o otimismo. E os especialistas garantem: é apenas uma questão de hábito. É possível “treinar” a mente para o pensamento positivo e o otimismo. E se você é uma pessoa estressada, aqui vai o bônus: eles também afirmam que as chances do treinamento darem certo é maior com pessoas estressadas!

Segurança, autoestima e positividade são fatores-chaves e que devem ser constantemente exercitados como uma configuração mental padrão. Um hábito. É um trabalho diário que deve ser feito o tempo todo, tomando a perspectiva otimista.

Obviamente, apenas positividade e otimismo não curam, sozinhos, os problemas de saúde. Esses sentimentos são aliados da ciência e da saúde e agem, como dito anteriormente, fortalecendo o corpo, a mente e acelerando a recuperação. Não recomendamos que aposte na positividade em detrimento da ajuda profissional, mas sim em conjunto com ela!

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Ariovaldo Ribeiro

Médico homeopata especializado, Especialista em Homeopatia pela Associação Médica Homeopática Brasileira.

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter