Bolsonaro é pré-candidato à Presidência do Brasil

Foi anunciada na tarde de terça feira dia 02 de março, a pré-candidatura de Jair Bolsonaro para a Presidência do Brasil em 2018

Postado dia 03/03/2016 às 09:10 por Wilson ADM

bolsonaro

Foto: Divulgação/Internet

Jair Bolsonaro, o polêmico militar que entrou para a política buscando a construção de uma nação voltada para o conservadorismo, filiou-se ao PSC (Partido Social Cristão) e ao final da tarde do dia 02/03/2016 no auditório Nereu Ramos em Brasília, foi indicado à pré-candidatura para a Presidência da República nas eleições de 2018 pelo presidente do PSC, o Pastor Everaldo, candidato à Presidência em 2014

Já fazia um tempo que o deputado Bolsonaro vinha apoiando o Pastor Everaldo, que  decretou a seguinte mensagem:

“… Para o povo brasileiro, para a nação brasileira… Estamos recebendo aqui, deputado Jair Bolsonaro, com a missão de representar o Partido Social Cristão na eleição de 2018, e a partir de hoje, ele é pré-candidato à presidência da republica do Brasil…”

Confira o vídeo abaixo

Jair Bolsonaro é um político diferente, não é acusado de corrupção ou crimes contra a pátria, mas é acusado de ser portador de ideias radicais. Dono de uma postura conservadora e firme, muitas vezes faz declarações que são entendidas pela população como preconceituosas ou ofensivas, no entanto, o candidato justifica-se afirmando que o Brasil está tomado por uma grande massa manobrada por políticos de esquerda, que conspiram para que o Brasil caminhe rumo a uma ditadura comunista.

Durante alguns anos, Bolsonaro vem acusando o PT e outros partidos embasados no socialismo, de populistas, alegando que os valores familiares estão cada vez mais ausentes na educação dos brasileiros.

Por outro lado, muitas pessoas repudiam o candidato afirmando que ele é contra movimentos criados para a defesa das chamadas minorias, como as cotas para negros, feminismo ou LGBT.

A entrada de Jair Bolsonaro como pré-candidato à presidência, é com certeza um fato que muda o cenário político atual, criando uma oposição verdadeira ao governo presente, diferente da oposição feita pelos tucanos até hoje, que por sinal é constantemente criticada pelos defensores da direita.

Possivelmente, dirão que pela bagagem militar que o Bolsonaro carrega, é possível que aconteça um confronto eleitoral como o que ocorreu em meados dos anos 60 entre o MDB e a ARENA, isso claro, se o PSC conseguir o peso necessário para combater o atual e robusto governo, que em hora oportuna para os opositores, está perdendo cada vez mais popularidade, e ainda há o risco da presidente Dilma Rousseff sofrer um impeachment. Outra coisa que muitas pessoas temem, além de que presidente atual seja deposta, é que a entrada de um militar na presidência, possa desencadear uma nova ditadura.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Wilson ADM

Publicitário e especialista em Marketing, fundador e diretor da revista digital “Sociedade Pública”. Acredito no ser humano e num futuro onde a comunicação verdadeira e clara é uma ferramenta de integração e de entendimento franco e pacífico entre as pessoas. Esse futuro pra mim é agora.

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter