Colunistas

avatar

Paulo Cassiano

Profissão: Coach

Cidade:

Paulo Cassiano é Instrutor de Consciência, Consultor, Coach e terapeuta holístico especialista em ferramentas autoconhecimento, formado em administração com MBA em Marketing Estratégico, foi consultor do Programa das Nações Unidas, recebeu prêmio Membro e Embaixador do World Council of Planetary Citizenship – WCPC/CMCP, organização atuante em todos os continentes do planeta Terra – Flight Of The Eagle (www.wcpc.org.br) tendo seu trabalho já reconhecido em todo o Brasil

  • O Tao e a prosperidade

    O TAO é a paz interior, é a paz exterior que te faz ir além. Você só consegue ir além nos objetivos de prosperidade, quando você tem essa tranquilidade.

    Postado dia 22 de março de 2017 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    tao

    Foto Reprodução

    Vou falar um pouco aqui sobre a questão da prosperidade, a questão do Tao, a questão de trabalho. As pessoas têm tido dificuldade de ter isto na questão profissional né, e você tem que entender como funciona esse mecanismo.

    A mecânica quântica, ela te explica como funciona a criação da realidade, que o pensamento e os sentimentos é que criam a realidade. Então, eu gostaria de dizer que a prosperidade não deixa de ser um reflexo da atitude mental que você tenha, que a pessoa tem durante a sua vida. Então, se você fizer uma análise, se você não é próspero hoje, qual foi atitude mental que você teve até hoje? Você foi uma pessoa que buscou conhecimento e colocou em prática o conhecimento que você buscou? Você fez os cursos que necessariamente tinha que fazer e colocou em prática esses cursos, ou os títulos, os diplomas estão todos guardados na gaveta? você não coloca em prática nada do que fez? Ou você tem uma grande dificuldade de colocar em prática, ou você tem muito medo, receio, insegurança, baixa autoestima? Então, é a atitude mental que vai fazer você ser próspero ou não. A atitude mental, o teu comportamento. Então, não adianta reclamar, não adianta ficar murmurando, colocando a culpa no governo, colocando a culpa na crise, na Dilma, no PT, porque, aahh… É que o pessoal só sabe colocar a culpa nessas coisas e não assume a responsabilidade de culpa de nada. Você tem responsabilidade com sua vida, você é dono do seu destino não é o outro, não é a opinião do outro, não é o país, não existe isso. Você cria a sua realidade com seus pensamentos e com seus sentimentos.

    A prosperidade é uma atitude mental. Uma determinada situação econômica de um indivíduo não deixa de ser fruto da atitude mental dele. Essa postura mental pode ser de hoje de ontem ou de um longínquo passado. Em outras palavras, pra você entender bem o que eu quero dizer, a mente antecede os fatos. As pessoas que estão desfrutando de uma vida próspera estão colhendo a prosperidade que foi semeada há muito tempo, no solo determinado da mente. Se você está vivendo escassez hoje, é porque você semeou a escassez. E o que é que você vai semear pro Futuro? Prosperidade. Então você tem que ter uma atitude de prosperidade. Estudar, buscar informações que te levem além, trabalhar a questão dos pensamentos, trabalhar a questão dos sentimentos, ter o autocontrole das emoções, limpar tuas crenças. Não deixar as crenças te atrapalharem tanto, não se deixar absorver por tudo que te dizem ou por tudo que tu ouve, porque se tu ficar absorvendo todas as coisas negativas que tu vê e ouve, tu vai ficar congelado. Nada vai acontecer. Tu não sai do lugar. Mesmo que você tenha plantado a mesma semente a quantidade e a qualidade dos frutos colhidos poderão variar de acordo com o tratamento por ela dispensado no decorrer do tempo do cultivo.

    Se você cultivar bons pensamentos, atitudes positivas, postura, disciplina, focado na prosperidade, focado em desempenho profissional melhor, aumentar sua produtividade, com certeza você está semeando o quê? Frutos positivos, que você vai colher no futuro e você pode colher até muito rapidamente, depende muito de você, tá? A gente deve iniciar imediatamente o plantio em nossa mente, a semente da melhor prosperidade e acreditar na colheita abundante. A convicção de conseguir bons resultados, prosperidade, irá gerar um sentimento indispensável para o sucesso: Alegria. O importante é essa primeira conquista de ter alegria no coração, sentimento este que ninguém pode roubar do seu íntimo. Alegria no coração só vem quando você começa a ter resultado, ter êxito, ter sucesso. Você começa a ter conhecimento do seu trabalho, você começa a ver o que você está colocando em prática. O resultado.

    Teve umas duas ou três moças que me procuraram no inbox, falando da dificuldade financeira que elas estavam passando, das dívidas o desespero gigantesco. E eu falei pra ela: Óh, não foca no problema, deixa o problema um pouco de lado e foca mais nos teus estudos, foca mais profissionalmente na tua expansão e solta um pouco, desapega. Gente, em três dias, quatro dias, ela estava resolvendo um problema. Você sabe o que é isso? Porque ela tava altamente apegada. Quando ela desapegou, o coração dela aliviou e a emoção gerou uma energia tão forte que colapsou a solução do problema que ela estava tão aflita, tão angustiada. Então, você tem que soltar, não fique apegado aos problemas não fique martelando ali, falando constantemente aquela situação. Não vai ser assim que você vai resolver, você tem que relaxar, tem que desapegar gente.  Desapega, eu já lhe disse. Desapega de tudo, desapega dos objetos, desapega dos familiares, desapega de filho, neto, esposo, marido. Desapega, tenha amor incondicional por eles, dê atenção, dê segurança, confiança, esteja do lado, esteja junto, mas não entrelace. Desapegue, solte. Tenha a presença da pessoa, mas sem estar apegado demais, porque isso vai gerar sofrimento. O apego aos problemas, o apego aos objetos, o apego às pessoas é que gera o sofrimento e vai te afastar dos teus objetivos. Você não vai conquistar os teus objetivos e te afastar do TAO.

    O TAO é a paz interior, é a paz exterior que te faz ir além. Você só consegue ir além nos objetivos de prosperidade, quando você tem essa tranquilidade.

    Então, o pensamento tem a força pra criar tudo. Tudo que existe foi o pensamento que criou. Se você se conscientizar da verdade, de que o pensamento é o criador de tudo e que somente a ideia tem existência, somente a ideia tem a existência real, você também chegará à conclusão de que o seu pensamento é uma arma poderosa e eficaz, comparada com outros tipos de arma que se usa. Assim você vai entender que jamais deverá ter pensamentos vis, pensamentos negativos, incorretos, nem tampouco deverá pensar em infelicidade, desgraça e pobreza. Os seus pensamentos devem ser elevados, puros e sadios, voltados sempre para a felicidade para a saúde, para a prosperidade, para harmonia para a paz.

    Se você vive brigando, discutindo com familiares, não concordando com a opinião das pessoas, o problema é você. Você que vive julgando, usando a Bíblia, “Jesus tem poder”, usando palavras bíblicas, isso é muito bonitinho, é muito lindo, mas o teu comportamento não corresponde à uma palavra do que tu fala. Então meu amigo, você tem problema. O problema não é o irmão que tu tá julgando nem a pessoa de quem você está falando, é você o problema. Você é o desequilibrado, você é desequilibrada, porque a Bíblia, evangelho, doutrina, religião, não te dão direito de julgar ninguém, não te dão o direito de se considerar melhor do que as pessoas. A partir do momento que você julga, você já está errado meu amigo, você já está errada. Cada julgamento, ele está contra tu, contra ti mesmo, te denunciando que você é uma pessoa com problemas e espiritualmente você afasta-se de Deus cada vez mais.

    Quando você julga, quando você condena, quando você critica e se afasta da criação, de uma realidade favorável, te afasta da prosperidade. E você não entende que você tem dificuldade de relacionamento, que você tem dificuldade de prosperidade, que o dinheiro não chega nas suas mãos, é por isso! É que você é o problema. Você fica julgando, criticando usando palavras religiosas, né, falando de alguns familiares, criticando as pessoas, rindo, debochando da crença dos outros, o que você tem a ver com a crença dos outros? E é por isso que tu tá salvo, aí usa esse lema de salvação. Que baboseira gente, isso é abobrinha. Não tem isso, a realidade é criada pelo pensamento e pelo sentimento. Você pode estar em qualquer religião: umbanda, evangélico, católico, espírita, não importa. É e será sempre os teus pensamentos e os seus sentimentos que vão criar sua realidade.

    Então, você pode ser bom religioso, mas você pode ser um péssimo pai, ou uma péssima mãe, um irmão negativo, um companheiro negativo da família. Você pode ser uma pessoa que está ali criticando todo mundo, jogando palavras no ar, sabe? Você está em grupo, se comporte como uma pessoa educada, tenha decência, reflita sobre isso. Se você anda falando besteira, o que não deve, isso está certo? Não está certo meu irmão, o problema é você, você é que é o problema. Aí você se acha o santo, o santo do pau oco, né? O santo do pau oco porque aquela pessoa que critica todo mundo, mas ela não tem responsabilidade com o comportamento dela, o que ela faz, porque ela é cheia de defeitos. Meu amigo, não jogue pedras se você merece várias pedradas, se você tem vários defeitos. Você vai jogar pedra no outro, se você está cheio de defeitos? Aí você quer prosperar, né? Aí tu quer resolver problema de emprego, quer resolver tua vida. Não vai resolver, não vai resolver enquanto você não chegar no TAO.

    O que é o TAO? A paz interior. E a paz interior só existe quando você tem paz com os outros, meu amigo. Tem que ter paz com os outros. Saiba que seu destino é traçado pelos seus próprios pensamentos e não por uma força que vem de fora. Porque você fica achando, ah, porque uma força divina… É Jesus… Os extraterrestres, é o meu guia, meu mentor, meu orixá…  Deixa de papo! deixa de conversinha, não é isso gente. Quem gera a realidade são seus pensamentos e os seus sentimentos. A mecânica quântica, a física, a ciência, provam isso: O átomo se comporta de acordo com o seu pensamento e tudo é átomo, tudo é energia. O corpo é energia, os objetos são energia, os animais são energia, a natureza é energia. Seus pensamentos que criam a realidade, é o seu comportamento que cria a realidade.

    Você sofre hoje porque você merece sofrer, porque você atraiu esse sofrimento de uma maneira inconsciente, certo? Às vezes você agiu, não fez por onde merecer. Então, você tem que sair dessa inconsciência, desse sistema Matrix, que te condena, que faz você fracassar, que faz você não ter resultados, que faz você não prosperar. Você tem que entender isso. O seu pensamento é uma planta que você dita pra um arquiteto, para construir um edifício denominado prosperidade. Você deve tornar o seu pensamento o mais elevado, o mais belo e próspero. Cabe lembrar aqui, que a verdadeira prosperidade não se limita a acúmulo de bens materiais, visíveis aos olhos da carne. Você não deve pensar que a sua riqueza se limita apenas à quantidade de bens palpáveis e visíveis que você possui.

    Texto transcrito por Márcia Gleize Valle em um áudio gravado pelo autor Paulo Cassiano

    Compartilhar:

  • Os três sistemas

    Saiba por onde começar a analisar sua vida para desenvolver melhor sua espiritualidade

    Postado dia 14 de março de 2017 às 09h em Ciências e Espiritualidade

    sistemas

    Foto: Reprodução

    Transcrição: Maria Cristina Rolim de Moura

    Você muda sua visão, você percebe o que você está fazendo de errado.  Você percebe os problemas com sua mãe, com seu pai, com seus filhos. Você percebe as questões do seu trabalho, você vê suas relações sociais e os sistemas.

    São três sistemas que nós estamos. O primeiro é o qual você nasce, e vai viver até o final da sua vida, ligado a ele: a família, a hereditariedade e no aspecto esotérico mônada.

    O segundo sistema é a sociedade, são as relações sociais, certo?  O terceiro sistema é o ambiente:  locais, trabalho, casa, natureza e terra.

    Esses três sistemas, você vai passar a vida toda ligado a eles, então a relação que você tem com eles é que vai fazer toda a diferença.

    Então, quando você fica preocupado, você vive no modo de sobrevivência, não realiza nada que pretende. Se, ficamos tensos, preocupados e estressados, vivemos no mundo material. Quando vocês soltam e desapegam, vocês vivem no mundo quântico, num mundo das infinitas possibilidades.

    Você vai deixar fluir a natureza de tudo. Você foca no que deseja, com clareza de propósito e realiza o que deseja.  Na verdade, é a ausência de desejo que realiza.

    Ficamos reativos e agimos inconscientemente. Para sair desse modo é mergulhar no desligar da mente, desligar dos problemas. Você medita, pratica o silêncio, você começa a analisar soluções.

    Esse modo te liga no modelo quântico.

    Um dos melhores antídotos para você sair desse labirinto, sair desse círculo vicioso, são os depoimentos que a gente grava aqui.

    As histórias de pessoas que tiveram sucesso, os exemplos citados. Isso torna o aprendizado mais acelerado, ajuda no apoio da mente que queremos construir.  A leitura diária, a prática dos exercícios da Mulher Maravilha e do Super Homem, o exercício de imaginar a cabeça crescendo, o exercício da derivação noturna. Todos esses exercícios vão te dar um hábito. E esse hábito vai fazer você mudar e gera o efeito da neuroplasticidade.

    O cérebro muda. Quando o cérebro muda há o salto quântico. E aí para você entrar no despertar é mais fácil.  Lembra? É a expansão, a consciência, o salto quântico e o despertar da consciência. E depois do despertar da consciência, a iluminação, o samadhi. A mente muda e cria novos hábitos, quando você está fazendo isso.

    Então é isso que a gente faz, o segredo do resultado do sucesso que nós temos nos grupos é esse!  O conhecimento é passado de uma forma simples e prática, sem muita ciência, sem muitas palavras recortadas, sem muitas palavras difíceis, sem muita historinha.  Eu vou direto ao ponto, é isso e pronto e resolva. Entendeu?  Não tem essa de ficar rodeando ou falando de experiência. Os experimentos são importantes, mas o importante é você entender como funciona. O átomo, a energia está em tudo. Depois eu vou falar para vocês o que é que eu estou conhecendo.

    Compartilhar:

  • O foco no mundo exterior

    Cuidado com o ego que deseja controlar toda a realidade

    Postado dia 20 de fevereiro de 2017 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    ego

    Foto: Reprodução

    Transcrição: Maria Cristina Rolim de Moura

    Quando estamos tão centrados no mundo exterior, é fácil pensarmos que só existe aquilo que vemos, que experienciamos. Isso é terrível para o ego, que deseja controlar toda verdade e toda a realidade. O ego controla!

    E aí você fica nesse estado paralisado. Inclusive para os empreendedores, muitas das coisas não acontecem, porque eles sabotam, porque têm medo, porque procrastinam, ficam adiando as decisões.

    Para a mulher é mais complexo. A mulher tem outras sensações que o homem não tem. Ela é mãe, tem a questão menstrual, tem uma série de situações hormonais que o homem não tem.

    Mas a dificuldade de empreender, de montar um negócio, de realizar um plano de negócio. Abre um negócio e não dá certo.  Ah, eu tenho um empreendimento há dois anos e não consigo realizar, não tenho resultado, não tenho sucesso, não vendo, o negócio não acontece.  Por que? Porque existem aspectos psicológicos, emocionais e crenças que impedem você de realizar.

    Foto: O ego

    Foto: O ego

    Então, você pode ser um empreendedor, mas não vai ter sucesso, porque não tem o comportamento correto. Existem hábitos de empreendedor que você precisa ter para que possa ter resultado. Esse comportamento é familiar. Então, quando nós estamos centrados no mundo exterior, nos nossos problemas, eles nos apresentam no modo de sobrevivência e é fácil acreditarmos que só existe aquilo que vivemos, que experienciamos.

    Sempre que aprendemos alguma coisa nova, mudamos nossa visão de mundo. Não é o mundo que muda, o que muda é a nossa noção que temos dele. O que muda é a nossa percepção.

    Por que o resultado é fantástico nos grupos de quântica que eu modero? No grupo que eu gravo os áudios, nesse trabalho que a gente faz? Porque você muda a sua mente, você percebe o que é que está errado e você é que muda porque o cérebro é que muda. É o cérebro que muda. Sempre que você aprende algo novo, há uma mudança na visão de mundo.

    #:
    Compartilhar:

  • Como criar uma realidade melhor?

    Quando você centra excessivamente nos problemas, nas dificuldades, fica obcecado com a aparência, fica obcecado em responder às pessoas, você mergulha na dor

    Postado dia 10 de fevereiro de 2017 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    realidade

    Foto: Reprodução

    Transcrição : Maria Cristina Rolim de Moura

     

    Você só vai criar uma realidade melhor quando tiver uma intenção clara do que quer. Eu tenho: quero despertar a consciência da humanidade, em qualquer lugar do Brasil ou fora do Brasil. Olha o que aconteceu com a minha intenção. Eu alcancei a Alemanha! Cheguei na   Argentina, no Japão, em Cingapura, na Tailândia, nos Estados Unidos.

    Por enquanto estou atingido os brasileiros (que moram nesses lugares), mas daqui a pouco os estrangeiros vão ser atingidos, porque algumas pessoas pedem para traduzir. Então o que eu quero dizer para vocês: a intenção clara faz as coisas acontecerem, o foco faz as coisas acontecerem.

    Vou explicar, porque isso é neurociência.  Inclusive eu vou agradecer a uma neurocientista que está no nosso grupo, a Dra. Rosalina, do Rio de Janeiro, que está no nosso grupo de quântica. Ela pediu para entrar recentemente e é uma honra tê-lo conosco, no nosso grupo. Nós temos uma neurocientista hoje no nosso grupo! E talvez existam outros, mas que não querem se identificar.

    A intenção clara do que você busca é que faz a diferença real na sua vida. É através dos cinco sentidos do observador que uma parte do cérebro, o neocortex analítico, determina a realidade. Então, em preocupar-se muito, você centra toda a tensão no corpo, no ambiente e no tempo. Você fica centrado no corpo, nas sensações do corpo, no ambiente e no tempo.

    Basta ficarmos estressados que fixamos nossa atenção toda nesses três elementos: corpo, ambiente e tempo. Quando nos encontramos pressionados pelo sistema de emergência, por um problema, por um com estresse ou por medo, entramos numa roda de fuga. Acionamos a luta e fuga, e ativamos a adrenalina.

    Aí, a tensão vai lá para cima, tal qual um animal ameaçado no meio selvagem, sua atenção se centra nos cuidados, ao teu corpo, na procura de saída do ambiente e, no cálculo do tempo necessário para você chegar num lugar seguro. Entra corpo, ambiente e tempo. Portanto, centra excessivamente!

    Quando você centra excessivamente nos problemas, nas dificuldades, fica obcecado com a aparência, fica obcecado em responder às pessoas, fica obcecado em dar satisfação aos outros, fica obcecado pelas coisas, com muita ansiedade. Você mergulha na dor!

    Pensa no pouco tempo que tem para fazer o que tem para fazer, e apresse-se para dar conta do recado. Isso não parece familiar? Alguém está passando por isso?  Com excessiva preocupação de sentimentos e emoções que sente no corpo? Preocupado com o ambiente, preocupado com o tempo? Isso é um padrão, porque é a mente analítica que faz isso.

     

    Compartilhar:

  • Medo, ansiedades e inseguranças

    Busquem identificar seu medo, façam os exercícios, estudem que assim vocês vão sair dessa síndrome do pensamento acelerado

    Postado dia 13 de janeiro de 2017 às 09h em Ciências e Espiritualidade

    medo

    Foto: Reprodução

    Transcrição : Maria Cristina Rolim de Moura

    Gente, não se preocupem tanto com as crenças, com as dificuldades de vocês. O importante é você identificar a origem delas. De onde vêm essas crenças, de onde vêm esses medos, esse acesso. Esse acesso vem de algum lugar, de algum fator gerador, qual o evento, com que pessoa? Alguma coisa gerou tudo isso. O medo, a respiração difícil, o coração acelerado, as mãos úmidas, pernas tremendo, peito pulando, rosto vermelho, boca seca, mandíbula dura.

    Você se sentindo desligado do que acontece a sua volta, perdido, sem controle. Esses são alguns possíveis sintomas do medo. O que provoca o medo? Qualquer situação que seja percebida como uma ameaça. Essa ameaça pode ser física, moral ou de qualquer outra ordem. Alguns exemplos de ansiedade: participar de entrevistas e reuniões, você perde, você começa a ficar com sono.  Pela expectativa dos resultados de exames médicos, o pensamento fica acelerado. Medo referente à possibilidade do rompimento do relacionamento, medo de perder o emprego. Você fica com medo de pagar a conta, fica com medo!

    Algumas vezes damos diferentes nomes as mesmas sensações como apreensão, preocupação, ansiedade, angústia. Mas são termos que podem estar se referindo ao medo, tudo isso é medo.

    Às vezes a pessoa pode não estar consciente do medo, não percebe as inseguranças, mas mesmo assim ela pode impedir situações novas, como um relacionamento satisfatório, um emprego interessante.

    Algumas vezes o medo pode aparecer, como vozes críticas que dizem: você não consegue, ele não é tão quanto aquela outra pessoa, não é tão bonito como gostaria de ser, você não é capaz de fazer isso, você não produz isso, você não tem essa capacidade.

    O medo pode abranger todas as intensidades, desde uma insegurança leve até o terror total. O medo pode estar presente em insegurança, preocupação, ansiedade, fobia, ataque de pânico, TSTP (transtorno de stress pós- traumático), síndrome do pensamento acelerado.

    Uma vez que você esteja ciente das causas, pode controlá-lo e trabalhar nele e, seguir sua vida mais liberto.

    Liberte-se dos seus medos condicionados.

    Você tem que entender a origem dele, de onde vem esse medo, de onde vem essa insegurança, essa ansiedade. De onde vem isso? Ahhh, está em mim! Identifica isso e, começa a fazer esses exercícios da blindagem emocional, da Mulher Maravilha ou do Super Homem. Fazer a limpeza das memórias, com a água azul solar. Fazer os exercícios de estado consciente e estudar. Gente, estudar faz toda diferença. Leia bons livros, assista vídeos.

    Aconselho os vídeos do Prof. Hélio Couto e do Prof. Horácio Frazão. Assista o filme “Quem somos Nós. Busque estudar. Vou sugerir um filme pra vocês, que eu assisti e é fantástico. Ele fala da Matrix, como é que domina tudo.

    É o filme 007 contra Spectre. Mostra um sistema que domina, domina tudo. Domina a indústria farmacêutica, de armamentos. E mostra uma reunião deles, sentados decidindo que tipo de remédio eles vão lançar, aonde vão lançar, como vão dominar, que propaganda vão fazer, que esporte eles querem promover. E lá mostra nitidamente que essa Matrix existe de fato. É uma ficção, um filme de ficção e ação, mas ele retrata bem essa questão da Matrix. Então é isso gente, busquem identificar seu medo, façam os exercícios, estudem que assim vocês vão sair dessa síndrome do pensamento acelerado. A meditação ajuda muito também.

     

    Compartilhar:

  • Revelando minhas vidas passadas

    Buda falou comigo pessoalmente, no Nepal: “Todos os tesouros da Terra estão dentro de você, todo o ouro do mundo está em si mesmo”

    Postado dia 2 de janeiro de 2017 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    vidas

    Foto: Reprodução

    Transcrição : Maria Cristina Rolim de Moura

    Muito frequentemente nós ficamos tensos, estressados com as nossas responsabilidades e, esquecemos  de aproveitar o momento.  Sente-se, fique quieto, deixe seus pensamentos, seus julgamentos surgirem e se dissiparem sozinhos. Permaneça no aqui e no agora, fique calmo e claro.

    Eu precisei fazer muitas coisas para poder chegar a esse estágio de iluminação, do samadhi.  Estou indo agora para um estado mais budístico, mais crístico, que é a mente cósmica.

    A mente cósmica é um estado de transe, que é quando você está com a mente de tudo, com a mente do universo, co-processando com você. Em alguns momentos durante o dia, eu fico com a mente cósmica. Não são 24 horas, mas eu estou chegando a esse estágio de ficar 24 horas.

    E aí, o meu eu superior é que está no comando agora, não é mais o meu eu terreno, o ego. Então, esse acesso ainda não é 24 horas, mas sempre fico nesse estado de transe, entro na minha mente cósmica. Por isso tenho profundidade nos assuntos que se debatem, que falam, do que dizem que é, com profundidade nos problemas, com sensibilidade mais aguçada. E nos estudos, porque eu vou ao fator gerador e a sabedoria flui naturalmente. Esse estado é natural de todos nós, meus irmãos. Todos vocês vão chegar à iluminação, ao samadhi. Porque é coisa nossa, nós já somos assim.

    Quando a gente acorda, desperta.  Eu despertei, eu expandi a consciência, eu dei um salto quântico e depois despertei. Depois que eu despertei, eu me iluminei. Então é isso!                        Então é um processo natural e eu só estou contando isso porque a luz que me guia, o meu pai que está no céu, o meu todo, o meu criador me pediu para falar, entendeu?  Fale para eles. Eles precisam saber que eles também são assim, eles também são luz de Deus.

    O que é que Jesus dizia?  “Vós sois deuses , vós fareis muito mais do que eu já fiz!”  O que Jesus dizia? O que Buda dizia? Que a luz do mundo está dentro de você! Buda deixou uma mensagem que diz o seguinte: “Quando eu me iluminei, o mundo se iluminou!” E é verdade.

    Quando eu me iluminei, vocês se iluminaram, todos os grupos. Porque todo mundo recebe o que eu falo, a transmissão do canal fonte. É porque em alguns momentos eu estou falando direto do canal fonte, é o cosmo que fala, é o universo que fala.

    Para você ter uma ideia, uma moça muito querida, aqui de Fortaleza, mas ela mora na Alemanha (tem muitos brasileiros que moram na Europa), ela falou que estava ouvindo meus áudios, desde novembro. Tem um grupo de whatsapp internacional, porque a gente não está só no Brasil mais. Com esse trabalho da quântica, do autoconhecimento, da expansão da consciência, a gente está em vários países, em vários, 30 países.

    Você sabe o que é isso? O alcance disso? Por que vocês acham que isso aconteceu? Porque a gente chegou nesse estágio de iluminação, porque o trabalho que a gente faz aqui é sério, ninguém está brincando, não tem blablablá, não tem conversinha. A gente vai direto ao assunto, então esse estado é o estado natural. Só não acessamos com facilidade, não conseguimos de maneira simples porque requer trabalho, requer merecimento.

    Eu vou finalizar com uma frase que ouvi do Buda. Quando eu tive a iluminação, eu tive a oportunidade de saber de todas as minhas vidas. Na verdade, eu sempre soube das minhas encarnações, das minhas vidas passadas. Mas essa foi muito nítida, e eles me permitiram ver e eu acessei uma vida passada minha, no Nepal e outra, na época de Jesus. Eu vivi em Jerusalém, e depois vivi no Nepal.

    Tem outras, mas eu vou falar só dessas duas assim, que são muito importantes (eu também vivi no Peru). E eu ouvi do Buda, no Nepal pessoalmente, porque eu conheci ele no Nepal. E eu estava saindo assim, tendo aquela visão de encarnação, aquela lembrança de vidas passadas e ele me disse assim : “Todos os tesouros da Terra estão dentro de você, todo o ouro do mundo está em si mesmo”.

    Ele falou isso e, é isso que eu digo para vocês: “Todo o tesouro da Terra, todo o ouro do mundo está dentro de vocês”.

    Todos vocês já são iluminados, só falta reconhecer que o são.

     

    Compartilhar:

  • O que é iluminação? O que é samadhi?

    Muitas pessoas têm me procurado perguntando se eu cheguei à iluminação.

    Postado dia 14 de dezembro de 2016 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    iluminação

    Foto: Reprodução

    Transcrição: Maria Cristina Rolim de Moura

    Então venho explicar esse estado de iluminação. O que é isso e quais são os sintomas da iluminação? É quando você começa a ter acesso ao espaço tempo, que é o que está acontecendo comigo já, isso desde novembro de 2015. Eu não preciso mais de religião, eu não sinto mais necessidade dos aspectos religiosos, eu não preciso mais de ferramentas, eu não preciso de mais nada, somente da minha consciência.

    Por exemplo, o Daime. Eu ainda frequento, mas porque eu gosto, eu amo, eu gosto dos hinos, mas eu não preciso mais. Eu respeito, eu tenho um amor à doutrina, porque me ajudou nesse caminho, nessa busca.  Eu tenho imensa gratidão, então eu vou porque os hinos são muito lindos, eu adoro e eu amo, mas eu não tenho mais necessidade. Eu estou naqueles dias da força, como a gente chama no Daime, ou das orações, ou da prece como chamamos lá. Estou assim praticamente 24 horas por dia.

    O estado de presença, de consciência que me domina, não é mais o ego que me domina. O externo não provoca mais nada a não ser experiências que eu posso viver ou não. Os pensamentos estão alinhados no campo unificado.

    O vácuo quântico e eu somos um. Eu tenho acesso aos campos morfogenéticos com muita facilidade, que são os campos dos sistemas, que são os sistemas familiares, os sistemas de cada pessoa, que são os campos eletromagnéticos, os sistemas dos lugares. Eu acesso as informações desses campos morfogenéticos, que têm informações, têm histórias do que aconteceu. Acesso a memória, toda aquela memória que fica naquele campo, ou seja, são os campos de energia eletromagnética de lugares, de pessoas e objetos.

    Não existem preocupações, eu não tenho preocupações mais. Inexiste o medo, as crenças não operam mais. A prática de prolongar o nosso estado de consciência nos dá o poder de controlar o mundo material. Eu tenho essa força de controlar o mundo material, os aspectos do material.

    Eu sei quem eu sou, sei de onde vim. Sei tudo, entendo tudo. Eu sei quem organiza e como funciona, eu entendo como funciona o sistema, eu sei que nós somos seres espirituais num corpo biológico, numa matéria. Eu não sou o corpo, eu sou o ser espiritual.

    Então, a iluminação é você estar pleno de si, é a consciência que opera. Não é mais o ego, não existe mais dúvidas, somente certeza.  Eu sou um co-criador consciente hoje. Colapso a função de onda praticamente 24 horas por dia, basta pensar.

    A liberdade da mente, do coração, de todos os apegos é que faz nascer uma consciência de toda a experiência humana, sem a noção de identidade separada do mundo à nossa volta.

    Eu tenho consciência de tudo, eu estou pleno de tudo. Às vezes quando converso com uma pessoa, no in box, eu sinto a energia da pessoa, eu vejo os problemas dessa pessoa, eu acesso a informação, mesmo distante. A pessoa pode estar nos Estados Unidos, no Paraná, pode estar aonde estiver.

    E se eu estiver próximo a ela, conversando pessoalmente, fica mais intenso. Aí o que aconteceu aos atendimentos que eu faço, com a mecânica quântica, com essa metodologia que eu trabalho? Triplicou. O número de pessoas que me procuram para serem atendidas é avassalador, gigantesco. De empresas triplicou também. Porque o resultado é rápido e as pessoas notam, sentem a energia.

    Então eu sou muito grato ao Todo, ao Criador por ter tido essa oportunidade, de ter chegado a esse estado. Então as coisas fluem, as coisas acontecem, sem meu desejo. Não preciso desejar, somente acontecem. Eu não sou aquilo que antes me identificava, ou seja, o meu corpo. O meu corpo é apenas um observador, mas é a minha consciência que comanda.

    Crie um tempo na sua vida para você estar consciente.

     

    Compartilhar:

  • Seja coerente e assuma as responsabilidades

    Trabalhamos por autoconhecimento, desenvolvimento da consciência, conhecimento de si mesmo, é justamente falar a verdade. Doa a quem doer, você gostando ou não, é assim que funciona

    Postado dia 23 de novembro de 2016 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    coerente

    Foto: Reprodução

    Os olhos físicos vêm apenas uma parte do topo do iceberg que flutua no oceano, ou apenas o cume de um enorme recife que está profundamente enraizado no mar. O que você tem que entender é que a prosperidade não está ligada somente à bens materiais, à dinheiro, à carro. Tem pessoas que dizem assim: “Ah, eu sou infeliz, eu não sou próspero. Eu não tenho um carro do ano”. “Ah, eu sou infeliz, eu não sou próspero porque eu não viajei para o estrangeiro esse ano”. “Eu não sou feliz, eu não sou próspero porque eu não tenho um celular bom”. Gente, se você está atrelando prosperidade somente à bens materiais, você está equivocado. Não é só bens materiais, a prosperidade está ligada à tudo, à todos os aspectos da vida: Saúde, harmonia em família. Aí eu falei né, dos familiares, que ficam criticando. A irmã, o irmão, o primo, o cunhado, que são pessoas que só sabem criticar mas não olham, não têm responsabilidade com a sua vida, não têm auto responsabilidade.

    Aí chega agora carnaval né, muitas dessas pessoas que são os críticos ou que ficam só debochando, levando a vida na brincadeira, levando a vida no deboche, aí vem sabe o quê?  Álcool, bebida, quando não, muitos desencarnam de acidente de carro, de moto, né, parada cardíaca, têm problema de saúde, pressão alta e quando não, têm um AVC, se envolvem em confusão, fazem besteira e depois se lembram, se arrependem do que fazem, porque vivem nesse mundo de ilusão! Isso é ilusão gente! Ilusão, mundo de Maia, como os indus falam, que é aquilo que não é verdade, aquilo que não é verdade o que é? Ilusão. Ilusão.

    Trabalhamos por autoconhecimento, desenvolvimento da consciência, conhecimento de si mesmo, é justamente falar a verdade. Doa a quem doer, você gostando ou não, é assim que funciona. Você pode não gostar, mas é assim que funciona. E aí? Cedo ou Tarde você vai se encontrar com a verdade. Às vezes até em um leito de um hospital, às vezes até numa hora que tu tá numa crise financeira e que tu diz assim: “Meu Deus, porque que eu estou nessa crise financeira?” Você não entende o porquê. Então, eu vou dizer aqui uma parábola muito interessante do TAO, que é a força do bambu.

    O TAO nos orienta com lições tiradas da natureza. Durante séculos, os calígrafos chineses pintaram o bambu, como exercício espiritual. O bambu é gracioso, ereto e forte, vazio por dentro, receptivo e humilde. Curva-se com o vento mas não se quebra. Flexíveis, habilidosos, abertos às novas possibilidades. As pessoas do TAO são fortes.  As pessoas que estudam o TAO, o universo, em qualquer situação elas são habilidosas, são fortes, evitando o orgulho e a rigidez. Ajustam-se às mudanças da vida, harmonizando-se à elas e aos seus próprios padrões de crescimento. As pessoas que não têm a compreensão do TAO, que só fazem resistência ao TAO, nos dizem: Ao nascerem todas as pessoas são brandas e dóceis, ao morrerem são duras e rígidas.

    Todas as plantas novas são macias e flexíveis, ao morrerem, são quebradiças e secas. Quando estamos duros e rígidos, nos associamos com a morte. Quando estamos macios e flexíveis, afirmamos uma vida maior. O TAO.

    O TAO é a paz interior e a paz exterior que se constrói com disciplina, dedicação e amor. O TAO é a voz de Deus, é a palavra de Deus, é o comportamento que nos leva a Deus, ao criador, ao Tudo, ao Todo. O TAO está em tudo, está em todas as doutrinas, está em todas as religiões, é o conhecimento da China antiga, mas que está em tudo, porque ele fala que só existe paz fora, quando existe paz dentro. Só existe luz fora quando existe luz dentro de você. Então, Acenda a luzinha que tem dentro de você. Deixe de ficar focando nos problemas, deixe de ficar perdendo tempo em criticar as pessoas, deixe de ficar se julgando também, não exija muito de você, você não vai ser perfeito, você tem que caminhar no processo dos erros e dos acertos, se melhorando, se acertando, se ajustando, e se ajudando. Solidariedade é importante. Ajude os outros. Estenda a mão a quem precisa.

    No período do carnaval, cuidado com os excessos de álcool, sabe?  Cuidado com os excessos de drogas, cuidado com os excessos de tudo: O que você fala, o que você diz, o que você faz. Cuidado! Porque isso pode te prejudicar. E aí não venha depois chorar, lamentar, o que tu já sabe, que você foi avisado. Mas você cometeu o erro porque quis, então, a escolha é sua, o sofrimento que você vive, foi escolha sua. A gente tem que sair desse modelo de inconsciência que a gente vive, esse sistema de crenças que nos conduz, esse processo de sabotagem, esse processo de não merecimento, esse processo de procrastinação, de ficar adiando as coisas. Ficar adiando, adiando e a gente não toma a decisão e não faz nada. A gente tem que ter a decisão de resolver as coisas, gente.

    Você tem que ter auto responsabilidade com sua vida. Você só consegue ter resultado quando você é auto responsável.

    Compartilhar:

  • Como fortalecer o lado bom das coisas?

    Trabalhe focado nas coisas mais importantes e deixem de se envolver com as coisas negativas. Pense nas coisas boas, busque o autoconhecimento

    Postado dia 13 de setembro de 2016 às 08h em Ciências e Espiritualidade

    coisas

    Foto: Reprodução/Internet

    Como você cria a sua realidade? Você cria pelas suas atitudes, pelos seus atos, pelas suas ações. Se você é uma pessoa que não confia em si mesma e é desconfiada, medrosa, cheia de melindres, não haverá transformação nenhuma, porque esse comportamento negativo vai lhe barrar e vai sabotar sua vida.

    O que é o processo de autossabotagem? É quando você mesmo prejudica a si próprio. Em vez de continuar fazendo as atividades ou tomando decisões que estão relacionadas ao campo da sua vida pessoal ou da sua vida material e amorosa, essas decisões que você não toma, as atitudes que deixa de tomar, você está sabotando. Você simplesmente desconfia que não vá dar certo, que você não é capaz. Você acha que não tem condições de fazer, ou não tem merecimento. Além disso, quando você exige demais de você mesmo, ou seja, é perfeccionista em excesso, este também é um processo de autossabotagem.

    Essas crenças vão te limitar e bloquear, tornando você uma pessoa incapacitada e você vai acreditar no resultado negativo. Nestes casos, as coisas não se materializam nem acontecem, e isso fortalece sua mente e as suas emoções relacionadas no campo da não-realização. Isso é que vai ser a sua realidade. E o seu campo eletromagnético vai ressoar a favor disso.

    Para você mudar essa realidade, a primeira coisa é ter bons hábitos. Acordar cedo, estudar, fazer afirmações positivas, não procurar se envolver com as coisas negativas que ocorrem durante o dia. Evitar relacionamentos conflitantes, bater boca, criticar, evitar emitir muito ponto de vista, murmúrio, reclamação.

    Quando você faz isso, não está favorecendo ao campo da autossabotagem, não está criando o efeito Zenão Quântico (que ocorre quando a observação de um sistema impede que ele mude de estado, ao passo que, se ninguém estivesse observando, ele mudaria).

    É meio irônico. Você quer as coisas, trabalha, se dedica, estuda e as coisas não acontecem. Isso porque, quando você se preocupa, quando você cria uma tensão nervosa, isola e paralisa aquela onda quântica que estava favorável ao seu trabalho. Você cria o que a física quântica explica que é o efeito Zenão. É quando o átomo congela. Para de fluir.

    Quando dizemos “deixa fluir”, é deixar as coisas acontecer. Não ficar apegado. O apego é quando estamos materialmente, fisicamente e emocionalmente entrelaçados com algo, com alguma coisa ou pessoa. Você condiciona a sua alegria e felicidade a isso e gera um apego, uma doença, porque cria na sua mente uma ilusão de que determinada coisa é o ideal, que vai trazer a sua saúde, vai tornar você uma pessoa melhor e só com “aquilo” é que você sobrevive.

    No fundo, é tudo uma mentira, porque você sobrevive sem as coisas e sem as pessoas. Não podemos viver dependendo de nada. Acabamos nos apegamos por causa das condições mentais de enfraquecimento, das crenças limitantes, dos comportamentos que adquirimos na infância. Assim, vamos acreditando mais no fracasso do que na vitória.

    As vitórias que conquistamos geralmente nem lembramos nem comemoramos. Quando na verdade é muito importante comemorarmos nossas vitórias. Tem que ser um processo natural, não tem que ser sacrificado, não tem que ser com muito esforço, doloroso, sofrido, choroso. Tudo aquilo que enfrentamos com muita dificuldade tende a ser sofrido. A vida tem que ser com facilidade, abundância, prosperidade e alegria. Não pode ser no campo da tristeza e da derrota.

    Nós não somos 100% aquilo que os outros dizem e nem 100% aquilo que acreditamos ser, até porque o nosso pensamento é sabotador. Temos que ser pessoas com muita fé, com muita autoconfiança, pessoas que trabalham para o bem, que têm no exercício da prática o desapego, que atuam dentro do amor incondicional, que têm a gratidão como hábito. Mas costumamos fortalecer o lado negativo, o fracasso, a tristeza, a doença.

    Tem pessoas que, quando adoecem, passam o dia todo falando do problema de saúde que ela tem e vão dormir pensando nisso. O que elas estão fazendo? Fortalecendo a doença e a doença vai se estabelecer e fazer parte da vida dela e a doença vai ser ela. Não vai haver diferença entre ela e a doença.

    Fortaleça então, o lado bom das coisas importantes e maravilhosas na sua vida. Não fique fortalecendo o lado ruim da vida. Se você está passando por dificuldade hoje, uma situação de escassez, qualquer problema que seja, foque nas coisas boas. Não foque no lado ruim. Não coloque tristeza, preocupação e ansiedade em qualquer problema que você, eventualmente, esteja passando. Foque nas coisas boas.

    A criação da realidade só ocorre a partir do momento que você foca no lado bom e se desapega e deixa as coisas fluírem naturalmente. Isso não é esotérico ou místico. Isso é uma lei da física. A física é a mãe da ciência e explica o funcionamento de tudo. Todas as ciências vêm depois dela. A mecânica quântica explica o funcionamento de tudo.

    Faça uma varredura de como está o seu sistema de crença e como você está funcionando a partir de situações complexas, difíceis e que ocorrem no seu cotidiano. Como é a sua reação? Você é mais reativo ou mais analítico? Como você se envolve? Você reclama mais ou agradece mais? Você tem foco no que quer ou não sabe o que quer? Você é mais desesperado ou mais seguro? Você é pessoa de baixa estima ou tem autoconfiança? Você é muito orgulhoso e deixa o ego te dominar ou você tem humildade e tem o exercício da gratidão e solidariedade?

    Então, como é que você funciona? Como funciona sua cabeça? É ela que vai ser sua sentença. O resultado é fruto de como você faz as coisas. A realidade quem cria somos nós. 24 horas do que você vive hoje é 100% do que você construiu ontem. Se você tem 99% de certeza e 1% de dúvida, a dúvida de 1% venceu o 99%.

    Portanto, trabalhe focado nas coisas mais importantes e deixem de se envolver com as coisas negativas. Foque nas coisas boas, busque o autoconhecimento. Deus e o Universo só se manifestam para aqueles que estão do lado dele, e não para aquele que tem dúvidas em relação a ele. Que emoção você alimenta dentro de você?  Observe-se.

    Compartilhar:

Página 1 de 212