As duas mulheres de Paulo

Na vida é preciso fazer escolhas. Não importa que, às vezes, nós nos enganemos ao fazê-las. O que não se pode é tentar passar a vida querendo ser o que não somos

Postado dia 31/12/2016 às 08:00 por João Anatalino

Mulheres

Foto: Reprodução

                               
Paulo era um sujeito que se julgava sábio e forte ao mesmo tempo. Com as pessoas mais velhas e experientes, ele se portava como uma delas; quando estava junto de jovens, se fazia de forte e tentava acompanhá-los de toda forma.

Por conta disso, arrumou duas amantes. A primeira era uma mulher mais experiente, que sabia todos os truques do amor. Mas, até pela idade que tinha, era mais comedida e tranquila, não se submetendo a todos os desejos dele. A outra era jovem e fogosa. Sua pouca experiência a levava a querer experimentar de tudo.

Assim, com a mais velha, Paulo se satisfazia, mas sempre ficava querendo mais. Com a mais nova, ele se saciava, mas ficava sempre a impressão que o prazer nunca havia sido completo.

Sentindo-se infeliz com a situação, Paulo foi procurar ajuda profissional. E o terapeuta contou-lhe a seguinte fábula:

“Havia um homem já meio grisalho que tinha duas mulheres, em duas cidades diferentes. Uma era mais velha e a outra era mais nova. Numa semana ele visitava uma, na outra semana ele passava com a outra. Quando estava com a mais nova, ele pintava os seus cabelos de preto para parecer mais jovem. Quando estava com a mais velha, lavava os cabelos para fazer desaparecer a tinta e mostrar a verdadeira idade.

De tanto pintar e lavar, seus cabelos começaram a cair e ele logo ficou careca. Nenhuma das duas mulheres gostava de homens carecas. E ele acabou perdendo as duas.”

Paulo entendeu. Na vida é preciso fazer escolhas. Não importa que, às vezes, nós nos enganemos ao fazê-las. O que não se pode é tentar passar a vida querendo ser o que não somos. Não sei dizer com qual das duas ele ficou. Talvez esteja esperando a nossa opinião. Se quiser, pode dar a sua, só não tente imitá-lo. Entre o céu e o inferno, Deus colocou a terra para que os homens pudessem ter uma alternativa entre ser anjo ou demônio.

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

João Anatalino

João Anatalino Rodrigues é bacharel em Direito e Economia e Mestre em Direito Tributário e escritor com 10 publicações autorais.

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter