A marca Google vale 174 milhões de dólares. E a sua marca, vale quanto?

O que você quer como sua profissão, qual a sua vocação, qual o seu desejo, o que lhe dá prazer? Quais são as suas habilidades, competências? E afinal, a que veio?

Postado dia 08/12/2015 às 00:00 por Priscila Kähler

 

mkt

Hoje um dos maiores termômetros para mensurar o patrimônio de uma empresa é o valor de sua marca, ou seja, este ativo intangível chamado “marca” ou grife pode valer milhões, se for entendido pela própria empresa como foco de uma boa, boa não, excelente gestão!

A gestão da marca, ou como chamamos, apoiados por um conceito moderno e bastante complexo, o Branding, precisa de atenção, cuidado, gestão mais que eficaz, agilidade e especialmente respeito.

Para simplificar tudo isso, vamos transpor para a marca mais importante de sua vida: A sua marca! O seu nome, a sua “grife”! O que você está fazendo por ela? De que forma está gerindo sua marca? Quando entramos no mercado de trabalho, ou melhor, quando nossa vida profissional se inicia, se inicia também a gestão de nossa marca. Ou não!

O que você quer como sua profissão, qual a sua vocação, qual o seu desejo, o que lhe dá prazer? Quais são as suas habilidades, competências? E afinal, a que veio? Qual a sua missão? Partindo destas perguntas, nasce então o seu planejamento estratégico pessoal: pense quais são os seus valores, qual é a sua missão e sua contribuição para a sociedade. Como se imagina no futuro? Se conseguir definir e responder a estas questões, um primeiro grande passo já estará dado: Você sabe sua razão de ser (sua missão), como quer ser visto (sua visão), aonde quer chegar (seu objetivo) e quais valores são primordiais para alcançar tudo isso.

Imagine uma situação ao seu redor. Trace um cenário onde está inserido: Com situações sociais, econômicas, legais, tecnológicas e ambientais e quais destes aspectos mais afetam você, seja de forma positiva ou negativa. Vamos partir então para um análise SWOT pessoal: Trace um quadrante com seus pontos fortes e pontos fracos frente as ameaças e oportunidades deste cenário. Pronto! Você já tem uma análise imprescindível para visualizar sua situação no mercado. Você possui mais pontos fortes e o mercado lhe oferece mais oportunidades ou possui mais pontos de melhoria e muitas ameaças se apresentam para você?

Faça uma análise desta matriz. Seja isento! Pense em você enquanto um produto sendo lançado num mercado altamente competitivo. Seja analítico, reflita sobre esta análise.

E agora então é partir para o plano de ação: Desde pequenos detalhes, até os mais visíveis cuidados, é preciso gerenciar cada passo em direção ao seu objetivo.

Quais competências são essenciais para sua atuação. Você as possui? Se sim, ótimo: Pontos fortes. Caso contrário, busque estas competências. Aprimore seus pontos fracos!

Algumas dicas básicas:

– Cuide de sua aparência. Você não precisa ser um modelo ou manequim de desfile ou somente se vestir com roupas caras, de grifes ou marcas famosas, mas analise seu tipo físico e o que lhe cai bem. Existem muitas marcas mais acessíveis com modelos bacanas que combinam com seu estilo. O importante é pensar nisso e ser cuidadoso com a sua “embalagem”! Aqui menos é mais.

– Observe com quem você anda! Suas companhias dizem muito sobre você! Outras pessoas também possuem suas marcas e em consequência, seus posicionamentos. Elas têm a ver com você? Elas agregam valor (em todos os sentidos!) à sua marca: Afetivamente, profissionalmente ou pessoalmente?

– Cuidado com suas atitudes. Do simples ato de pegar um papel do chão ao que você diz ou não diz para uma pessoa de seu convívio, ou nem tão próxima assim, tudo isso mostra alguma imagem sobre a sua marca! Como exemplo: Você cumprimenta todos ao chegar ao trabalho? Um bom dia, um boa tarde fazem muita diferença em sua atitude! E em sua imagem!

– Seja estratégico: Pesquise sua área, entenda as tendências deste mercado, tenha planos A, B, C… Teste a sua empregabilidade. Capriche no currículo, seja criativo, ousado, proativo, tenha postura intraempreendedora, fomente seu entusiasmo, tenha brilho nos olhos!

Assim como a marca “VOCÊ”, as empresas têm que focar e direcionar todos os seus esforços em suas marcas, desde os mínimos detalhes, até as mais visíveis estratégias que impactam fortemente todos os públicos e geram forte repercussão.

Pense nisso! Cada ação precisa ser gerenciada com cuidado, atenção, inteligência e respeito. Será que este é o segredo do Google?

Compartilhar:

Sobre o Autor

avatar

Priscila Kähler

Profissional de marketing. Coordenadora dos cursos de Comunicação e Marketing da Universidade Braz Cubas em Mogi.

Obs: As postagens do autor são de plena responsabilidade do mesmo, o portal se isenta de qualquer conteúdo que possa ser ofensivo.

Veja mais posts deste autor

Leia também

Assine a nossa newsletter